Carlo Acutis nasceu em 3 de maio de 1991 em Londres (Inglaterra) onde seus pais trabalhavam. Alguns meses depois, seus pais Andrea Acutis e Antonia Salzano se mudaram com ele para Milão.

Desde muito jovem, Carlo demonstrou um amor especial por Deus, embora seus pais não fossem especialmente devotos. Após sua Primeira Comunhão, ia à Missa com frequência e ficava em oração na Hora Santa depois da Eucaristia. Confessava-se uma vez por semana, e amava rezar o Terço.

O seu testemunho de fé conduziu sua mãe a uma profunda conversão. Segundo o sacerdote que promove a sua causa, “ele conseguiu aproximar seus  pais da Missa diária a fim de receberem a Eucaristia todos os dias”.

Carlo tinha um grande amor pela Eucaristia, pedia a seus pais que o levassem em peregrinação aos locais dos milagres eucarísticos. Esse interesse, o levou a fazer uma pesquisa sobre esses milagres no mundo. Como era programador, os promoveu por meio de um site que criou. Lá, dizia às pessoas que “quanto mais frequente for a nossa recepção da Eucaristia, mais seremos como Jesus. E nesta terra poderemos antecipar o Céu”.

Como todo jovem de sua época, Carlo adorava videogames. Tinha um Playstation ou, provavelmente, um PS2, que foi lançado em 2000, quando tinha nove anos. Entretanto, ele só se permitia jogar uma hora por semana, como penitência e disciplina espiritual. Além disso, Carlo também gostava de esportes em campo aberto.

Dono de um coração misericordioso, era conhecido por defender as crianças de sua escola que sofriam bullying, especialmente crianças com deficiência.

Carlos, era um jovem como outro qualquer, só que seu coração compreendia que a vida longe de Jesus não fazia sentido, mesmo com tudo aquilo que o mundo lhe oferecia

Quando adolescente, Carlo foi diagnosticado com leucemia. Quando adoeceu, sua vida de fé aumentou.  Ofereceu seus sofrimentos “pelo Senhor, pelo Papa, pela Igreja e pelos enfermos”.

Morreu em 12 de outubro de 2006, dia de Nossa Senhora Aparecida. Pediu para ser sepultado em Assis, devido ao grande amor que nutria por São Francisco.

Sua causa de beatificação e canonização foi aberta em 2013. Foi declarado venerável em 2018 e foi beatificado no dia 10 de outubro deste ano.

Fonte: adapado https://www.acidigital.com/noticias/quem-foi-carlo-acutis-62494

Agora é possível venerar o corpo de Carlo Acutis

Sua mãe revelou que em 23 de janeiro de 2019, mais de dez anos após sua morte, seu corpo foi encontrado incorrupto.

“Eu estava lá e meu marido não queria ver. Ele ainda era nosso garoto alto de 1,82, só tinha a pele um pouco mais escura, com todos os cabelos pretos e cacheados. O mesmo peso, esse que havia predito sozinho”, disse a mãe segundo informa o jornal italiano.

Em declarações a ACI Prensa/EWTN, o reitor do Santuário do Despojamento de Assis, Pe. Carlos Acácio Gonçalves Ferreira, destacou que atualmente o corpo “está muito completo, não intacto, mas completo. Preserva todos os órgãos”.

“Já fizeram trabalhos sobre o rosto, mas é bonito que pela primeira vez na história será possível ver um santo vestido de calça jeans, tênis e moletom. Isso é uma grande mensagem”, acrescentou.

“Hoje o vemos novamente em seu corpo mortal. Um corpo que passou, nos anos de sepultura em Assis, pelo processo normal de deterioração, que é o legado da condição humana depois que o pecado foi removido por Deus, fonte da vida. Mas este corpo mortal está destinado à ressurreição”, disse o Bispo de Assis, Dom Domenico Sorrentino, na Missa de abertura do túmulo no dia 1º de outubro.

O corpo de Acutis repousa em uma urna de vidro onde pode ser venerado pelos peregrinos até o dia 17 de outubro. Ele está vestido com jeans e um par de tênis Nike, as roupas que costumava usar.

O coração de Carlo Acutis, que agora pode ser considerado uma relíquia, será exposto em um relicário na Basílica de São Francisco de Assis. Sua mãe disse que sua família queria doar seus órgãos quando faleceu, mas não foi possível devido à leucemia.

Fonte: adaptado https://www.acidigital.com/noticias/a-partir-de-hoje-e-possivel-venerar-o-corpo-de-carlo-acutis-60124

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *